quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

BRASIL - Vereador de SP quer acabar com cotas para negros e revogar o Dia da Consciência Negra

No terceiro dia como vereador de São Paulo, Fernando Holiday (DEM), de 20 anos, disse que vai apresentar uma proposta para revogar acabar com Cotas (em Universidades) para negros e revogar o Dia da Consciência Negra, data celebrada em 20 de novembro. Em entrevista à TV Câmara nesta quarta-feira, o jovem afirmou ainda que vai propor o fim das cotas raciais em concursos públicos municipais da capital.  Após ter sido eleito com pouco mais de 48 mil votos, Holiday voltou a reforçar bandeiras de sua campanha. Muitas delas foram apresentadas na internet, onde o ativista do Movimento Brasil Livre (MBL) ganhou destaque.

Em novembro do ano passado, o jovem publicou em uma rede social que é "um absurdo" existir uma data como o Dia da Consciência Negra, que "homenageie um homem assassino escravagista." O dia 20 de novembro foi escolhido como homenagem à morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares, assassinado neste dia. 

O vereador disse também que vai apresentar propostas para revogar todo tipo de legislação ou burocracia que atrapalhe o microempreendedor e o microempresário da periferia, "que hoje sofre com uma série de papeladas e processos burocráticos para montar seu próprio negócio ou contratar alguma pessoa". Outra ideia defendida pelo parlamentar é a proibição de homenagens em sessões solenes a ditadores e genocidas "ou qualquer personagem ou fato histórico que tenha atentado contra os direitos humanos e a liberdade em algum momento da história."

Nenhum comentário: