destaque

destaque

quarta-feira, 20 de julho de 2016

ESTADO - Em nota, IFRN esclarece 'advertência' a alunos homossexuais

O Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) emitiu nota oficial na noite desta terça-feira (19) sobre a suposta advertência que profissionais da instituição teriam dado a dois alunos homossexuais que estudam no Campus de Nova Cruz, a 90 km de Natal. No texto, publicado no site do centro de ensino, o IFRN esclarece que os “estudantes estavam em local isolado e foram orientados pelo Campus a se dirigir a um espaço mais movimentado”. Ainda segundo a nota, “esse procedimento visa à integridade física dos alunos, em sua maioria adolescentes”. A instituição reafirma “o seu compromisso por uma educação cidadã, que tem o trabalho como princípio educativo para uma formação integral do ser humano, nas suas perspectivas sociais e culturais”.

Leia a nota oficial na íntegra:
O Campus Nova Cruz do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) vem a público esclarecer alguns pontos referentes aos procedimentos implementados pelos setores no que se refere ao acompanhamento aos alunos dentro de suas dependências.
Prezando pelo ambiente de educação e segurança dos discentes, o Campus conta com diversos setores de apoio aos alunos, dentre os quais, a Equipe Técnico-Pedagógica, Coordenação de Apoio Acadêmico, Coordenação de Administração Escolar, Serviço Social e Psicologia. Em relação a namoro de estudantes na Instituição, independentemente da orientação sexual, os servidores atuantes nesses setores orientam que os casais de namorados permaneçam em espaços apropriados e de circulação aberta a todos, evitando locais muito distantes ou ambientes fechados. Esse procedimento visa, principalmente, à integridade física dos alunos, em sua maioria adolescentes.
Dessa forma, desde o início do semestre, foram orientados mais de 15 casais, héteros e homossexuais, com vistas à segurança deles. Como medida cautelar, os casais são notificados apenas em casos extremos: quando há reincidência do namoro em áreas isoladas da escola ou quando o teor da interação física excede os limites adequados a ambientes públicos.
Sendo assim, na tarde do dia 18 de julho, estudantes estavam em local isolado e foram orientados pelo Campus a se dirigir a um espaço mais movimentado. Destaque-se que não houve o envio de termo de notificação a eles, visto que não foi interpretado comportamento indevido, apenas a identificação de um local inapropriado para estarem, o que poderia afetar a própria segurança dos alunos.
Dessa maneira, o Campus Nova Cruz reafirma o seu compromisso por uma educação cidadã, que tem o trabalho como princípio educativo para uma formação integral do ser humano, nas suas perspectivas sociais e culturais.
Nesse sentido, como não poderia deixar de ser, reafirma também o compromisso com a valorização da diversidade em todas as suas formas, repudiando veementemente qualquer expressão de discriminação e apoiando ações que objetivam a desconstrução de preconceitos.

Nenhum comentário: