quinta-feira, 2 de junho de 2016

NATAL - Prefeito Carlos Eduardo larga na frente com 36% das intenções de votos

Faltando quatro meses para as eleições municipais, o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) é o pré-candidato que possui maior índice de intenções de votos, 36.3% na pesquisa estimulada (quando os nomes são citados). O número faz parte da primeira e mais completa pesquisa eleitoral visando as eleições de 2016, promovida pela parceria NOVO, 98FM e Consult Pesquisa. O levantamento começou a ser divulgado ontem no programa Repórter 98, da rádio 98FM, e está registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número RN 06487/2016. Foram ouvidos 800 eleitores em todas as regiões da cidade nos dias 24, 25 e 26 de maio. A margem de erro é de 3 pontos percentuais com confiabilidade de 95%.

Ainda na estimulada, o segundo maior percentual é de pessoas que dizem não votar em nenhum dos candidatos citados, 23.8%. Os indecisos somam 12%. Isso significa que Carlos Eduardo lidera num universo que ainda possui 35,8% de eleitores “sem candidato”. Também na pergunta estimulada - quando o pesquisador apresenta os nomes de prováveis candidatos - o deputado Fernando Mineiro (PT) é o segundo colocado, com 4.8%; e Robério Paulino (PSOL) divide o 3º lugar com Rogério Marinho (PSDB), ambos com 4%.

Na sequência vêm os deputados Jacó Jácome (PSD), que aparece com 3.6%; Walter Alves (PMDB) com 2.8%; Kelps Lima (SD) com 2.4%; Rafael Motta (PSB) com 2%; e Márcia Maia (PSDB) com 1.6%. A pesquisa estimulada mostra ainda 1.5% das intenções para Luiz Gomes (PEN); 1% para George Câmara (PCDOB); 0.3% para Gleydson Batalha (PRP) e 0.1% para Geraldo Ferreira (PPS), presidente do Sindicato dos Médicos.

A Consult também fez simulações estimuladas excluindo alguns nomes para verificar o potencial de transferência de votos. Em todos os cenários, o atual prefeito mantém a liderança. No primeiro cenário sem Márcia Maia, George Câmara; Gleydson Batalha e Geraldo Ferreira, as intenções são as seguintes: Carlos Eduardo (37.9%), Mineiro (5,3%), Rogério Marinho (4.8), Robério Paulino (4.6%), Walter Alves (2.9%), Kelps Lima (2.6%), Rafael Mota (2,1%) e Luis Gomes (1,9).

Num segundo cenário onde Rogério Marinho, Walter Alves, e Kelps também são retirados e incluída Márcia Mia, as intenções são as seguintes: Carlos Eduardo (41.4%), Mineiro (5.6%), Robério Paulino (4.8%), Márcia Maia (2.5%), Rafael Mota (2.5%) e Luis Gomes (1.8%).

ESPONTÂNEA
Na pergunta em que nenhum nome de candidato é apresentado, quase 57% dos entrevistados afirmou não sabe em quem vai votar para prefeito; e outros 24.4% estão decididos: não votarão em ninguém. Dos do total de entrevistados, 14% indicou Carlos Eduardo Alves como seu candidato sem precisar ler listas de nomes. A exemplo da estimulada, Fernando Mineiro aparece em segundo, mas desta vez divide o posto com Rafael Motta, empatados com 0.8% das intenções.

A vice-prefeita Wilma de Faria (PTdoB), que declarou recentemente seu desejo de se candidatar a vereadora foi lembrada por 0.6% dos eleitores; o vereador Luiz Almir (PR), por 0.5%; e 0.4% indicaram os senadores Garibaldi Alves (PMDB) e Fátima Bezerra (PT). O capitão da Lei Seca, Styvenson Valentin também foi citado e empata com o professor Robério Paulino (PSOL), ambos com 0.3%. E tiveram 0.1% das intenções, os deputados Rogério Marinho (PSDB) e Hermano Morais (PMDB); vereadores Klaus Araújo (SD), George Câmara (PCdoB) e Ranieri Barbosa (PDT); o governador Robinson Faria (PSD) e Sérgio Jerônimo.
Novojornal.jor.br

Nenhum comentário: