destaque

destaque

quinta-feira, 29 de junho de 2017

REGIONAL - Confira o ranking dos produtos agropecuários do Vale do Açu

Professor em sua explanação no II Fórum Social e Sustentável do Vale do Açu
Na última sexta (23) quem compareceu ao auditório da UERN (Campus/Assu) assistiu a diversas palestras interessantes e, com informações importantes sobre a região do Vale do Acu. Uma dessas palestras foi do professor Joacir Rufino de Aquino. Economista, mestre em Economia Rural e Regional. Professor Adjunto IV do Curso de Economia (UERN/Campus de Assú) e Sócio-Efetivo da Academia Assuense de Letras (AAL), o professor falou do tema: "Evolução e desafios da Agropecuária do Vale do Açu".

Joacir iniciou a apresentação mostrando traços  da  geografia  econômica  e  da  estrutura agrária do Vale do Açu, além de apresentar a evolução dos principais indicadores da agropecuária da microrregião nos últimos 20 anos (1995 a 2015) e finalizou elevando os principais desafios a serem  enfrentados  para  o  crescimento  com sustentabilidade  socioambiental  da  agropecuária regional.

No estudo apresentado pelo professor Joacir, foi apresentado o número de estabelecimentos agropecuários do Vale do Açu por município, baseados nos dados do IBGE (2006)

A região do Vale do Açu possui uma área de 4.756 km2 formada por nove municípios: Alto  do  Rodrigues,  Assú, Carnaubais,  Ipanguaçu,  Itajá,  Jucurutu, Pendências, Porto do Mangue e São Rafael. As lavouras temporárias (milho, feijão, arroz, mandioca, melão, etc.) reduzem sua participação e aumenta o peso das lavouras permanentes (banana, manga, coco, mamão, goiaba etc).

Um dos assuntos que chamou nossa atenção foi o ranking ranking dos principais produtos das lavouras permanentes do Vale do Açu quanto ao valor da produção, segundo dados do IBGE, ano-base 2015. A  manga  e,  principalmente,  a  banana,  assumem  a  posição  de principais  produtos  da  agricultura  do  Vale  do  Açu  em  termos  de geração de riqueza, mesmo durante os anos de estiagem. Vamos apresentar nas próximas matérias, mais informações sobre a agropecuária e a pecuária da nossa região.

Nenhum comentário: