destaque

destaque

domingo, 25 de junho de 2017

POLÍTICA - 83% da população vê envolvimento de Temer em corrupção revelada por delações da JBS, aponta Datafolha

Para 83 por cento da população o presidente Michel Temer tem envolvimento direto nos escândalos de corrupção revelados nas delações de executivos da JBS, que instauraram intensa crise política no país, apontou pesquisa Datafolha divulgada neste domingo pelo jornal Folha de S. Paulo.

O levantamento, que ouviu 2.771 pessoas entre quarta (21) e sexta-feira (23), também revelou que 81 por cento dos entrevistados acreditam que os irmãos Joesley e Wesley Batista, da JBS, deveriam ter sido presos pelos crimes confessados.

Nesse sentido, 64 por cento desaprovaram o acordo de colaboração premiada que a Procuradoria Geral da República (PGR) fechou com os donos da JBS, que estabeleceu a aplicação de multas, mas afastou a prisão dos empresários.

A divulgação em meados de maio de conversa gravada entre Joesley e Temer no palácio do Jaburu desencadeou a mais grave crise política do governo.

Com base na delação de Joesley e de outros executivos do grupo, o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou a abertura de inquérito para investigar Temer por suspeita de corrupção passiva, obstrução da Justiça e organização criminosa.

O acordo de delação firmado com o Ministério Público Federal (MPF) e homologado pelo STF envolveu sete executivos da processadora de carnes e da J&F, controladora da JBS, e o pagamento de uma multa total de 225 milhões de reais.

(Por Marcela Ayres)

Nenhum comentário: