destaque

destaque

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

ECONOMIA - Boleto vencido poderá ser pago em qualquer banco a partir de março

Um novo sistema de cobrança de boletos bancários, que promete facilitar a vida dos consumidores e dificultar a ação de fraudadores, passará a funcionar a partir de março deste ano para todos os brasileiros.

O benefício mais visível para o consumidor será a possibilidade de pagamento em qualquer banco mesmo após a data de vencimento. Com o novo sistema, os juros e a multa serão calculados automaticamente, o que permitirá que os clientes possam pagar os boletos pelos aplicativos, nas lotéricas ou em qualquer banco. Além disso, com a identificação do CPF do pagador no boleto, será possível reduzir inconsistências de dados e evitar pagamento em duplicidade.

Todos os boletos enviados para os clientes serão registrados no sistema bancário com a informação do nome e do número do CPF ou do CNPJ do pagador. A mudança será de maneira gradual, começando por boletos com valores mais altos. Até o fim do ano, o sistema valerá para boletos de qualquer valor. 

Desenvolvido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), o programa, chamado de Nova Plataforma de Cobrança, faz parte de uma exigência do Banco Central para ser utilizado pelos bancos.  A plataforma será um grande banco de dados com informações dos boletos emitidos. A empresa que emitir uma cobrança terá que enviar os dados para o banco que alimenta o sistema. A medida, conforme a Febraban, trará mais segurança aos pagamentos, pois dificulta a emissão de boletos fraudados.

Essa nova forma de cobrança irá modificar a maneira como empresas e instituições financeiras organizam os pagamentos. Atualmente, sem um registro, o banco só toma conhecimento da emissão do boleto quando o documento bate na compensação, o que facilita a ação de criminosos especializados em fraudar esse tipo de documento. Com a plataforma, será possível rastrear os pagamentos e reduzir o número de fraudes.

Nenhum comentário: