destaque

destaque

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

GUAMARÉ - Prefeito Hélio Miranda sofre nova derrota no TRE


Depois de perder na 1ª e 2ª instância na tentativa de reverter e tornar apto o seu registro de candidatura a prefeito do município, nesta tarde, o pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), por unanimidade, negou os embargos de declaração opostos pelo prefeito Helio Miranda (PMDB). A ação é contra a coligação "Guamaré Merece Mais", que tem como candidato a prefeito Mozaniel Rodrigues (SD), o único candidato que tem os votos validados pela Justiça Eleitoral e a outra coligação "Vitória do Povo" que tem como candidato a prefeito, Helder (PSD), que, igualmente à Hélio, teve os anulados pela Justiça Eleitoral. Os juízes do TRE acompanharam o voto do relator Waldemir Soares Capistrano e negaram o pedido do prefeito Hélio.

De acordo com os juristas, os embargos de declaração tem como finalidade corrigir falhas nas decisões que contenham: omissão, contradição e obscuridade. No caso em tela, a defesa do prefeito Hélio deve ter apontado no processo algum tipo de omissão, contradição e/ou obscuridade, por isso, solicitam que seja dado provimento (aprovar o pedido do jurídico de Hélio), mas ao negar provimento, a Justiça Eleitoral, afirma que o processo está todo correto, não havendo nenhum erro para ser reparado, uma vez que não há omissão, contradição e/ou obscuridade.

Nenhum comentário: