quinta-feira, 29 de setembro de 2016

PENDÊNCIAS - Juíza suspende divulgação da pesquisa do Instituto SETA que apontava Gustavo como favorito


As pesquisas realizadas pelo Instituto Seta já foram suspensas pela Justiça Eleitoral nas cidades de Macau, Assu, Caicó e agora em Pendências.

O jurídico da campanha de Fernandinho, Dr. Servulo Nogueira, conseguiu na Justiça a suspensão imediata da divulgação dos dados da pesquisa feita pelo Instituto Seta (nº 09733/2016) que apontava Gustavo Queiroz (PSD) como favorito a sucessão ao executivo municipal.

O pedido do advogado Dr Sérvulo Nogueira foi baseado na Resolução  do TSE 23.453/2015 que em seu Artigo 3 diz que a partir de 18 de agosto de 2016, o nome de todos aqueles que tenham solicitado registro de candidaturas deverá constar das pesquisas realizadas, mediante a apresentação da relação de candidatos ao entrevista. E na Pesquisa não constava o nome do candidato a prefeito pelo PSOL, Cláudio Guimarães, que está com Apto no sistema de Divulgação de Candidaturas do TSE, mas com recurso a ser apreciado. 

Para a magistrada da 47º Zona Eleitoral da Comarca de Pendências, "se a divulgação da pesquisa for feita como foi realizada passará dados que não correspondem com à realidade do momento das entrevistas, podendo trazer prejuízos a candidatos", diz a Dra Maria Cristina Menezes de Paiva Viana em sua Decisão. Por isso, determinou a imediata suspensão da divulgação do resultado da pesquisa sob pena de multa no valor de R$ 20 mil.
O renomado advogado Dr Sérvulo Nogueira

Nenhum comentário: