terça-feira, 19 de julho de 2016

ESTADO - IFRN adverte casal homoafetivo e caso gera polêmica nas redes sociais

Dois estudantes homossexuais foram advertidos nesta segunda-feira (18) por profissionais do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) supostamente por estarem namorando nas dependências da unidade. O caso aconteceu no Campus de Nova Cruz, cidade distante 90 km de Natal.

Diversos alunos do centro de ensino utilizaram as redes sociais para denunciar e repudiar a forma como o casal foi abordado. De acordo com os relatos, os profissionais da instituição agiram com “seletividade” no caso e causaram constrangimento aos jovens.

“O ocorrido de hoje no IF NC causou e continuará causando revolta se as devidas atitudes não forem tomadas e as leis aplicadas imparcialmente. Não é tempestade em copo d’água, não é close, não é difamação, é somente a tentativa de lembrar a todos que estamos no século XXI e que atitudes como essa não serão aceitas, não mais!”, denunciou uma estudante através do Facebook.

Procurado pela reportagem, o IFRN de Nova Cruz informou que vai esclarecer todos os pontos sobre o assunto por meio de nota oficial, que deve ser publicada até o fim do dia. Contudo, a instituição de ensino pública afirmou que agiu de acordo com o que está estabelecido em seu regimento interno, que prevê o uso de advertências para alunos que namorem em áreas pouco movimentadas da escola, independentemente da orientação sexual deles. Os profissionais da instituição consideraram que o casal homoafetivo se enquadrava nesse ponto. Com relação à forma como os jovens foram abordados, o IFRN afirmou que não vai se pronunciar sobre o assunto neste momento. “Isso será esclarecido na nota oficial que será publicada em nosso site”.

Nenhum comentário: