sexta-feira, 29 de julho de 2016

ALTO DO RODRIGUES - Aprovado PL que mantêm subsídios de prefeito, vereadores, secretários e adjuntos


Diferente de outras cidades do Estado onde os vereadores deram aumento aos subsídios aos próprios edis, dos prefeitos, vice-prefeitos, secretários e adjuntos, os vereadores da Câmara Municipal de Alto do Rodrigues se reuniram em sessão extraordinária na manhã desta sexta-feira, para analisar o Projeto de Lei do Executivo que fixa os subsídios do prefeito, vice-prefeita, vereadores, secretários, secretários-adjuntos.

Os vereadores de oposição (Magnus-PP, Renan Melo e Maria de Analia-PSD; Antonio Leão-PTN) apresentaram uma emenda ao Projeto de Lei, mas foi reprovada por maioria simples. 

Em virtude da apresentação da Emenda, presidente da Casa suspendeu a sessão por duas horas para solicitar o parecer jurídico. 

Antes de colocar na Ordem do Dia, o presidente da Câmara municipal, Nixon Baracho (DEM), disse que não seria hipócrita em votar contra a manutenção dos subsídios, "não poderei votar em aumento, devido a crise que vive i nosso município, mas também não posso ser irresponsável de não deixar como estar", comentou Nixon Baracho.

O PL foi aprovado em 1ª, 2ª e 3ª votação por maioria simples, podendo o prefeito Abelardo Rodrigues sancionar a Lei.

O reajuste do subsídio é Lei e todo gestor precisa aprovar até o dia 30 de julho do fim cada legislatura e vale para a legislatura de 2017 a 2020, para os cargos de prefeito, vice-prefeito, vereadores, secretários e adjuntos.

Nenhum comentário: