sexta-feira, 22 de abril de 2016

ECONOMIA - Com repassa do FPM zerados, crise aumenta em vários municípios

Na última quarta-feira, (20), os municípios receberam mais uma parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Como vem acontecendo, o recurso sofreu redução e piora a crise nos municípios. A queda do repasse agrava a situação financeira dos municípios, que têm cada vez mais dificuldades em realizar obras e até mesmo honrar compromissos. O índice previsto para o repasse também sofreu queda. Neste caso, a redução foi 23,45% - o montante previsto era de R$ 20.046.536,53, mas o valor realizado foi R$ 15.344.945,55. Além da queda no repasse, 21 municípios do Rio Grande do Norte tiveram o FPM zerado neste segundo decêndio. Municípios com o fpm zerado na 2ª parcela de abril/2016:

Alto do Rodrigues, Areia Branca, Baraúna, Carnaubais, Extremoz, Felipe Guerra, Florânia, Gov. Dix-Sept Rosado, João Câmara, Martins, Maxaranguape, Nova Cruz, Parnamirim, Pau dos Ferros, Pedro Velho, Pendências, Pureza, Rio do Fogo, São José de Mipibú, São José do Campestre e Tibau

com informações de celso amancio

Nenhum comentário: