destaque

destaque

sábado, 3 de abril de 2010

"BLOCO DOS TEM JEITO"


O jornal impresso já começou a circular e já recebemos muitos elogios, sugestões e críticas, também.

Desse bloco dos insatisfeitos com a gestão do prefeito de Alto do Rodrigues, Eider Medeiros (PMDB), surgiu a idéia de fazerem camisas, adesivos. Mas saiu uma foto, inclusive publicada na edição impressa , onde algumas pessoas pediram que fosse esclarecido os participantes do bloco.
Nessa foto acima, apenas o empresário Jomar CD, faz parte do bloco "Dos Tem Jeito".

Tá dito!

CAPA DA EDIÇÃO ESPECIAL DE ALTOFOLIA.
TV Globo vai abrir escola técnica de mídia eletrônica

As Organizações Globo assinaram um convênio com o Governo de São Paulo para a implantação de uma escola técnica (Etec) voltada para a mídia eletrônica. O convênio foi assinado nesta sexta-feira (19/03), por Roberto Irineu Marinho, presidente das Organizações Globo, e José Serra (PSDB), governador do estado. A escola deverá ser construída pela TV Globo, em parceria com o Centro Paula Souza, do governo paulista, e a Fundação Roberto Marinho. A Etec vai funcionar na região do Brooklin, perto dos estúdios da Globo, e deve ficar pronta em 2011. A emissora, que doou o terreno e será responsável pela construção, ainda não divulgou o valor do investimento.
Serão oferecidas 240 vagas para cursos de Multimídia, com duração de três semestres, e Produção de Áudio e Vídeo, com duração de quatro semestres. O Centro Paula Souza ficará responsável pelo processo seletivo, contratação de professores e infra-estrutura.
“É uma Etec pioneira. São cursos inovadores de dois anos, que terão uma demanda muito grande. Cada aluno deve custar R$ 3,5 mil por ano, uma produtividade altíssima.
Ter boa mão de obra qualificada, força de trabalho preparada, é bom pra quem trabalha e para quem emprega”, afirmou Serra.
Roberto Irineu Marinho disse que o convênio com o Estado é uma forma de a empresa colaborar com o ensino profissionalizante. “Esta é uma maneira de contribuir para a formação dos jovens. O ensino profissionalizante é essencial para o nosso país”, ressaltou o presidente das Organizações Globo.
Além de Serra e Marinho, participaram da cerimônia o secretário de desenvolvimento Geraldo Alckmin; a diretora superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá; o secretário-geral da Fundação Roberto Marinho, Hugo Barreto; e o diretor-geral da TV Globo, Octávio Florisbal.

Do Comunique-se.

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Senadores reclamam de baixo salário

Alguns senadores presentes na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) reclamaram, em sessão realizada ontem (quarta-feira), que o salário dos senadores “não é o que se pensa”. Os comentários foram feitos depois que Pedro Simon (PMDB-RS) admitiu que não consegue pagar previdência privada com o vencimento que recebe. Segundo ele, o valor a ser custeado seria de pouco mais de R$ 4 mil.

Depois da fala de Simon, senadores conversaram sobre o valor dos vencimentos dos parlamentares. “Depois dizem que nós ganhamos muito. No caso do Simon, por exemplo, veja como são as coisas. Este senador tem mais de 30 anos de prestação de bons serviços ao país como político. Foi uma figura muito importante em momentos históricos. Agora, revela que não consegue pagar R$ 4 mil [para a previdência privada]. Um senador ganha R$ 16 mil, sem o desconto dos impostos”, afirmou o vice-presidente da CCJ, Wellington Salgado (PMDB-MG). “Um delegado federal em início de carreira ganha mais que um senador”, completou Jayme Campos (DEM-MT).

Wellington Salgado, que fazia parte da chamada tropa de choque do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-RS), em meio à crise institucional no começo de 2009, ainda criticou a atuação da imprensa. “Donos de jornais e rádios direcionam a opinião pública [caso Sarney]. Como é difícil julgar alguém na Comissão de Ética com a pressão popular (...). Vimos que depois de tudo aquilo mudaram as regras de cotas de passagens na Casa. Hoje, não podemos custear viagens de convidados em audiências públicas para debater assuntos importantes na comissão. Vi todas essas incoerências e absurdos aqui dentro do Senado. Acredito que a democracia no país ainda não está madura”, disse Salgado.


Com informações de Leandro Keller.

quarta-feira, 31 de março de 2010


Prefeito quer aprovação para destruir seus erros


Para o ex-vereador e ex-vice prefeito de Alto do Rodrigues, Carlinhos de São José, se os vereadores da Câmara Municipal, aprovarem o Projeto de Lei, nº 434/2010, estarão dando plenos poderes ao prefeito da cidade, Eider Medeiros/PMDB, para destruir os possíveis erros do seu governo.
Pelas palavras de Carlinhos, o que preocupa no projeto, é o artigo primeiro, onde fica instituido a metodologia para a guarda, manuseio, arquivamento temporário e eliminação de documentos públicos ou gerados por particulares, encaminhados ao Poder Executivo de Alto do Rodrigues.
Para o líder do distrito de São José, o prefeito está querendo se livrar dos próprios erros e com isso, contará com o apoio dos vereadores que aprovarem esse absurdo. “Como os vereadores irão dizer a população que estão fiscalizando, se derem carta branca para o gestor fazer o que quer com os documentos públicos?”, indaga Carlinhos.
O ex-vereador alerta para os vereadores não aprovarem esse projeto de Lei, mesmo que já tenha sido aprovado em primeira votação, “ainda faltam duas votações”, lembra Carlinhos.
Outro ponto que preocupa o líder de São José é o artigo nono da Lei 434/2010, onde diz que será feito uma Comissão Permanente de Avaliação de Arquivo que será composta por três servidores públicos, que serão nomeados pelo prefeito (presidente e dois membros efetivos), “até os substitutos serão nomeados pelo prefeito. Essa comissão deveria ter a participação do povo, do Poder Judiciário e do Ministério Público, para dar maior transparência, mas como o prefeito gosta de realizar atos secretos, fica difícil”, lamenta.

APAGANDO A HISTÓRIA.
“Outro grande absurdo do prefeito Eider Medeiros é querer apagar a história da nossa cidade. Ele pintou o ginásio de esportes e retirou as placas de inauguração e construção do ginásio, deixando apenas a dele. Deveria colocar na placa, que apenas pintou por fora”, dispara Carlinhos.
Várias obras que foram apenas pintadas, foram retiradas as placas anteriores. “Acredito que a Justiça deve tomar conhecimento desse absurdo do prefeito Eider Medeiros”, disse Carlinhos.
Posse do novo governador será hoje (31)

Com dois mandatos de deputado estadual e seis como deputado federal, Iberê Ferreira de Souza assume nesta quarta-feira (31) o maior desafio dos seus 40 anos de vida pública. O atual vice-governador toma posse como governador do Rio Grande do Norte em solenidade realizada às 16h na Assembléia Legislativa. Após a cerimônia de posse, palco montado na Praça 7 de setembro será o local da transmissão de cargo da governadora Wilma de Faria. A banda Garota Safada fará show na ocasião.

Natalense, nascido em 27 de fevereiro de 1944, Iberê é advogado de formação e tem em sua carreira política, além de mandatos como deputado estadual (1971 a 1979) e seis mandatos como deputado federal, o comando de diversas secretarias no Governo do Estado. Com a posse, Iberê deixa também a cadeira de titular da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH).


Solenidade será transmitida ao vivo pela rádio

A posse de Iberê marca também o lançamento da RN Rádio Web. Através dela, os ouvintes das principais rádios do Estado poderão acompanhar a cerimônia, transmitida ao vivo pela internet pelo endereço temporário http://www.rdnradioetv.com.br/radiorn32.asx, para internet comum e http://www.rdnradioetv.com.br/radiorn64.asx, para banda larga.